Estudo bíblico

15. nov, 2014

O ADVENTO DO ESPÍRITO SANTO

 

"O próprio ESPÍRITO se une ao nosso espírito para testemunhar que somos FILHOS de DEUS. E se somos filhos, somos também herdeiros; herdeiros de Deus e co-herdeiros de CRISTO, pois sofremos com ELE para com ELE sermos glorificados"
(Rm. 8:16, 17 ver. Jerusalém).

 

Eu, Israel Sarlo, ouvi falar de IGREJA EVANGÉLICA aos meus vinte anos e logo aceitei as normas religiosas e aos 21 anos já estava fazendo seminário. Portanto, ouço falar no ADVENTO DO ESPÍRITO SANTO deste minha mocidade e confesso, me estarreci quando soube da ação do ESPÍRITO SANTO na vida das pessoas, foi quando me entreguei de CORPO e ALMA naquilo que acreditei e até entender a diferença do Espírito com letra (E) maiúscula para o espírito com letra (e) minúscula. Foi uma enorme peregrinação com dúvidas, decepções e por fim a "FÉ" o firme fundamento que não nos faz perder nas emoções que sempre nos leva aos desvios religiosos e as críticas destes mesmos religiosos que, com o tempo, deveriam ser mestres, continuam com suas idéias e sensações de meninos, sempre prontos em nos penalizar segundo seus usos e costumes (Hb. 5:12 - 14).

 

Quando o MESTRE esteve entre nós com seu corpo humano viveu exclusivamente para CUMPRIR A LEI e nada fez além de cumprir aquilo que para nós era impossível fazer.

 

Se deu plenamente, falou e viveu da LEI e para a LEI. Se o homem religioso, através de suas invenções criou a máxima que dizia ser necessário que houvesse sangue para a remissão de pecados, Ele, O MESTRE, se fez OVELHA para tirar o PECADO do MUNDO. Ele se deu gratuitamente e por uma única vez.

 

Se você perceber, Ele não fez nada a não ser realizar alguns dos sonhos do povo judeu que sofria mais uma escravidão, agora sob o grifo ROMANO. Estavam todos desacreditados. Sua religião não podia falar mais alto do que a alta corte romana. Resultado? O povo estava faminto, doente e de estima baixa. Ele então ofereceu a NOVA JERUSALÉM, trouxe as BOAS NOVAS, deu pão, peixe, curou e trouxe esperança a todos que desta esperança fizeram seu estandarte.

 

Pergunto: Existe alguma diferença hoje para as necessidades de ontem? Somos ou não iguais os necessitados judeus escravos?

 

Pergunto: Estamos ou não com necessidades iguais e nos sentindo famintos, doentes, de baixa-estima, cercados de religião que se subdivide, ou criando mais dogmas na esperança de terem seus problemas já resolvidos?

 

Ainda as religiões estão buscando o MESTRE que veio cumprir a LEI e sob esta LEI estão os religiosos com suas vidas sob LEI, esquecidos que todos sob LEI são chamados de malditos. Será que não aprenderam ainda que era maldito todo aquele que morria no madeiro? Será que não aprenderam ainda que o PAI abandonou o FILHO JESUS no madeiro por se fazer maldito por nós? Será que não aprenderam ainda que foi, após CRUZ, que houve a RESSURREIÇÃO e que batizados em sua morte também fomos RESSUSCITADOS com ELE?

 

Se fomos RESSUSCITADOS com ELE, isto quer dizer que não vivemos com todas estas necessidades até porque não estamos mais debaixo da lei, mas sim da GRAÇA. Estamos no ADVENTO DO ESPÍRITO SANTO, não mais no ADVENTO DOS RELIGIOSOS que estão sempre apontando seus dedos inquisitórios prontos para nos mandar para os apedrejamentos e fogueiras.

 

Estamos do OUTRO LADO DA CRUZ, não mais aquém a CRUZ. Atravessamos, graças ao MESTRE, o VALE DE SOMBRA DE MORTE. Nosso rei hoje não é mais o de ROMA, nem o insignificante HERODES ou PONCIO PILATOS: o que manda matar e o que lava as mãos.

 

Em João 20: 20 - 23, é bom salientar, PÓS-CRUZ, O MESTRE já RESSUSCITADO lemos o seguinte texto: Tendo dito isso, mostrou-lhes as mãos e o lado. Os discípulos, então, ficaram cheios de ALEGRIA, por verem o SENHOR. Ele lhes disse de novo: 'PAZ ESTEJA COM VOSCO!' Como o PAI me enviou, também eu vos envio. Dizendo isso. SOPROU sobre eles e lhes disse: 'Recebei o ESPÍRITO SANTO. Aqueles a quem perdoardes os pecados ser-lhes-ão perdoados; aqueles aos quais retiverdes ser-lhes-ão retidos'".

 

OBSERVARAM? O MESTRE agora não estava sozinho cumprindo a LEI. Agora havia um CORPO MINISTERIAL. Não eram apenas os doze apóstolos cumprindo a risca da LEI e representado as DOZE TRIBOS de ISRAEL. Representando os DOZE ANCIÃOS e etc. O MESTRE estava agora, de verdade, vivendo O ADVENTO DO ESPÍRITO SANTO e desta vez, fazendo valer a sua MORTE DE CRUZ, dizendo que em sua RESSURREIÇÃO o SOPRO que teria valor real, não era apenas aquele que deu ao homem o FOLEGO DE VIDA que sempre acaba com a morte. Não seria aquele SOPRO dado em Atos 02, a descida do ESPÍRITO SANTO para testemunho a todas as dezesseis nações ali reunidas. Não, O ADVENTO DO ESPÍRITO SANTO tinha outro sentido: o sentido de PERDÃO. O sentido real do ESPÍRITO no espírito do CRISTÃO estava autorizando-o a PERDOAR PECADOS e RETER PECADOS. Isto é, cada CRISTÃO teria que descobrir que tipo de espírito cada indivíduo estava manifestando ou se manifestará nas CIRCUNSTÂNCIAS de nossas vidas: "...e a outros, o dom de discernir os espíritos..." (1ª Co. 12: 10).

 

Quando atravessamos para o outro lado da CRUZ, saímos do lado onde estamos sempre sendo alvos de enganos, assim como diz João em sua 1ª Carta 4:1: "Amados, não creiais em todo espírito, mas provai se os espíritos são de Deus, porque já muitos falsos profetas se têm levantado no mundo".

 

Se o ESPÍRITO de DEUS somente fala ao meu espírito, não existe razões para erros. Se eu somente permito que o ESPÍRITO DE DEUS fale ao meu espírito, isto quer dizer que estou pautado (a) na PALAVRA e respaldado (a) no EVANGELHO.

 

Fica aqui a minha palavra de aviso e ainda, dizendo que Deus é amor, não tem amor. Falo assim para lembrar a todos que em Gálatas 5: 22 - 26 a palavra espírito está em letra minúscula, embora algumas traduções continuem dizendo o contrário. Leia e verifique.

 

Abraço a todos (as).

 

Israel Sarlo

www.facebook.com/caminhoeavida

 

 

14. nov, 2014

"Então, pela virtude do ESPÍRITO, voltou Jesus para a Galiléia, e a sua fama correu por toda as terras em derredor. E ensinava nas suas sinagogas e por todos era louvado" (Lucas 4:14, 15).

 

No texto vimos algo semelhante a Lucas 4:1-2, com uma diferença. Semelhante: tanto sua ida ao deserto como agora seu ministério, eram trabalhados pelo HOMEM ESPIRITUAL. Pelo espírito, voltou para a Galileia. Claro, com a fama e honrado por todos. Não a fama ou honra do HOMEM NATURAL. Ele havia vencido a GUERRA ENTRE ESTES DOIS HOMENS NO DESERTO. Estava agora fazendo seu trabalho em prol do REINO DO PAI - sua MISSÃO DE PREGAR O EVANGELHO - AS BOAS NOVAS DE SALVAÇÃO.

 

MUITA gente, creio que todos os religiosos chegam ao DESERTO. Deparam com os mesmos problemas que o MESTRE encontrou, a diferença é que não vence o HOMEM NATURAL. Ficam no DESERTO e morrem em suas RELIGIOSIDADES. Não vence o mal, mas este mal os vencem. Alguns chegam a sair em MISSÃO com um forte APELO EMOCIONAL e ficam pelo caminho, pois são LOBOS VESTIDOS DE OVELHAS.

 

O MESTRE chega a Nazaré, onde foi criado (v.16). Chega em um sábado e neste dia, segundo o costume, as pessoas se reuniam nas sinagogas. Ele entra e entregam a ele, como de costume, o LIVRO DE ISAÍAS e ELE leu: "O ESPÍRITO do Senhor é sobre mim, pois que me ungiu para:

* evangelizar os pobre;
* enviou-me a curar os quebrantados do coração;
* a apregoar liberdade aos cativos;
* dar vista aos cegos,
* a pôr em liberdade os oprimidos,
* a anunciar o ano aceitável do Senhor"
.

 

Ele, após esta leitura, fecha o LIVRO e diz: "... Hoje se cumpriu esta ESCRITURA em vossos ouvidos" (vs.16-21).

 

Ele está dizendo que agora chega aos seus ouvidos. Como tratarão isto? Será que chegará aos seus corações? Se maravilharam? Testemunharam tudo que ouviram? Mas mesmo assim disseram: "Não é este o filho de José?" E por isto o MESTRE fala do não verdadeiro milagre ter acontecido, o MILAGRE DO NASCER DE NOVO. Ele, o MESTRE diz: "... Em verdade vos digo que nenhum profeta é bem recebido nas sua pátria" (v.24). Só viram o FILHO DO HOMEM, não conseguiram ver o HOMEM ESPIRITUAL. 

 

E você? Se maravilha, da testemunho do MESTRE, fala da graça, reconhece que Jesus é o FILHO de Deus... e daí? Que mudança está havendo em sua vida interior? Você só busca nEle as necessidades deste seu HOMEM HUMANO?

 

Leiam os demais versículos do capítulo quatro e veja a tratativa do MESTRE segundo a visão do EVANGELISTA E MÉDICO Dr. Lucas.

 

 

Israel Sarlo

www.facebook.com/caminhoeavida

 

12. nov, 2014

"Ele, porém disse: 'também é necessário que eu anuncie a outras cidades o EVANGELHO DO REINO DE DEUS, porque para isso fui enviado.' E pregava nas sinagogas da Galileia". (Lucas 4:43. 44)

 

Gostaria, com esta fala do MESTRE, alertar as pessoas do FOCO em que as religiões dão aos textos bíblicos. Para isto gostaria de dizer que não fritamos a lata que vem a sardinha, mas sim a sardinha. Notem que no texto de Lucas 4, logo no início deste LIVRO BIOGRÁFICO, todas as epigrafes são tendenciosas - por exemplo a TENTAÇÃO DE JESUS, claro, um apelo RELIGIOSO a todos, pois logo estarão lendo já com suas mentes compradas pelo título. No versículo 01 (um) lemos que Jesus foi levado pelo ESPÍRITO ao DESERTO, mas antes está claro que ELE estava cheio do ESPÍRITO SANTO e foi assim que foi levado. Em Tiago capítulo 1:13 ss leremos: "Ninguém, sendo tentado, diga: 'De Deus sou tentado; porque Deus não pode ser tentado pelo mal e a ninguém tenta. Mas cada um é tentado, quando atraído e engodado pela sua própria concupiscência".

 

O MESTRE, logo no início de seu MINISTÉRIO, cheio do ESPÍRITO SANTO é levado ao DESERTO pelo seu espírito. Por quarenta dias foi tentado pelo diabo (suas próprias oposições) e não por LÚCIFER ou DEMÔNIO. Seria bom lembrar que isto veio acontecer mais tarde, no final de seu MINISTÉRIO TERRENO, quando no GETSÊMANI o MESTRE pediu que passasse dEle aquele cálice. Seria também importante lembrar que Pedro, quando pediu para o MESTRE evitar a CRUZ, o MESTRE disse que para traz dele fosse SATANÁS (o que fazia oposição a CRUZ). Claro que Pedro não estava endemoninhado, demônio não tem ato de amor e o que Pedro demonstrou foi amor ao MESTRE.

 

Se continuarmos a ler vamos nos deparar com o dialogo do MESTRE, se você conhece Bíblia, vai descobrir que Paulo fala das duas naturezas existentes no homem. Vai descobri o que ele, Paulo fala aos Coríntios sobre o HOMEM NATURAL E O HOMEM ESPIRITUAL, que, segundo Paulo, homens que se guerreiam entre si.

 

Era início de seu MINISTÉRIO. Tinha dúvidas? Claro que sim e é nisto que o MESTRE se agiganta, do contrário como poderíamos ser seus imitadores via Paulo se o dermos toda as prerrogativas de Deus sem a verdade de que também era homem? Como?

 

1º - TEVE FOME - posso transformar pedras em pães? Posso, mas não o farei! "Não só de pão viverá o homem... mas também da PALAVRA".

 

2º - TEVE VONTADE DO PODER DESTE MUNDO - bastaria adorar as glórias efêmeras deste mundo, afinal era Deus e também homem, com seu livre-arbítrio tinha direito a escolha - não a fez segundo o homem existente nele e disse usando a PALAVRA: "Adorarás o Senhor, teu Deus, e só a Ele servirás"

 

3º - TEVE VONTADE DE SE ALTO-PROMOVER - afinal os anjos o apoiariam e não cairiam no chão. Seria um show, um espetáculo - O MESTRE responde a este duelo de gigante, seu HOMEM NATURAL X SEU HOMEM ESPIRITUAL: "Não tentarás ao Senhor, teu Deus".

 

O MESTRE vence a BATALHA NO DESERTO e somente depois disto vai em sua MISSÃO. Ele vence o HOMEM existente nEle e dalí para frente este HOMEM NATURAL seria obediente ao HOMEM ESPIRITUAL que trataria das coisas do PAI.

 

Agora ele usaria este HOMEM NATURAL como FERRAMENTE em seu MINISTÉRIO. Começaria a abrir os olhos dos cegos, curar os aleijados, os aflitos psíquicos, levantaria os mortos de seus caixões, daria voz aos mudos, arrancaria os surdos de seu mundo sem sons, mas tudo isto seriam as EMBALAGENS, pois as SARDINHAS viriam com a liberdade do HOMEM ESPIRITUAL sob os escombros religiosos, os escombros das IDOLATRIAS e FETICHES.

 

Se você voltar ao texto após percorrer todo o capítulo quatro de Lucas verá que Ele conclui este capítulo, dizendo anexo a tudo que foi lido também se faz necessário a anunciação do EVANGELHO DO REINO, que não é comida e nem bebida, que não se casa e que não se dá em casamento, pois afinal, diz ele, para isso fui envido e por isto pregava nas sinagogas da Galileia.

 

UM CONSELHO: NÃO ACREDITE NAS PESSOAS QUE SÃO PAGAS PARA VOCÊ NÃO PENSAR - NÃO SEJA MANIPULADO (a) PELOS PÚLPITOS - VOCÊ PRECISA LEMBRAR DO TEXTO BÍBLICO QUE DIZ: "APRENDEI DE MIM QUE SOU MANSO...". SEMPRE TENHA EM SUAS MÃOS MAIS DE TRÊS VERSÕES BÍBLICAS E APERTE SEUS PROFESSORES DE ESCOLA BÍBLICA DOMINICAL, AFINAL A BÍBLIA É O ALIMENTO DE SUA ALMA. SEM ELA DE VERDADE MORREREMOS TODOS SEM SABERMOS DO PORQUE.

 

 

Israel Sarlo

www.facebook.com/caminhoeavida

 

 

11. nov, 2014

AS ADMOESTAÇÕES DO MESTRE

 

"E o irmão entregará à morte o irmão, e o pai o filho; e os filhos se levantarão contra os pais, e os matarão. E odiados de todos sereis por causa do meu nome; mas aquele que perseverar até ao fim, esse será salvo."(Mateus 10: 21, 22).

 

Antes de qualquer comentário, quero dizer sobre a importância da FAMÍLIA na sociedade, o que vamos comentar é o MODELO FAMILIAR, que segundo Paulo, está incluído em seu texto aos Romanos 3:23: "Todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus."

 

No VELHO TESTAMENTO está escrito para honrar nossos pais para que vivamos mais tempo sobre a terra, no entanto as guerras, os poderios dos guetos, tribos, impérios e etc., cegaram a humanidade de tal forma que até mesmo o chamado povo de Deus, os judeus, após séculos de escravidão, ao receber de Deus terras, sai das chibatas de seus algozes, mas morrem todos no deserto até mesmo seu grande líder Moisés e o sume-sacerdote Arão. Tomaram posse da promessa somente os nascidos no dito deserto.

 

Se fizermos uma busca, não precisa ser cuidadosa, vamos descobrir este mesmo povo, judeu, montando sua GEOGRAFIA POLÍTICA e TERRITORIAL na TERRA PROMETIDA. Israel se organiza em DOZE TRIBOS e sem mais explicações, sabemos muito bem de suas divisões. Divisões estas criadas no SEIO FAMILIAR. Davi foi o grande protagonista disto e segundo a Bíblia, um homem segundo o coração de Deus. Não escapou do INCESTO, MORTE e TRAIÇÃO. Seu IMPÉRIO foi dividido: AS TRIBOS DO NORTE E AS DO SUL.

 

No NOVO TESTAMENTO o encontramos, o FILHO DO HOMEM – EMANUEL – Deus conosco. Muito sugestivo o significado deste nome. Analise você isto.
Encontramos no nome JESUS o seguinte significado – O SALVADOR.
Encontramos no nome CRISTO o significado – UNGIDO.
Isaías nos dá o sentido exato de quem seria EMANUEL, o ministério de SALVADOR e a razão de sua UNÇÃO:
"Porque um MENINO nos nasceu, um FILHO se nos deu, e o PRINCIPADO está sobre os seus ombros; e o seu nome será:
MARAVILHOSO CONSELHEIRO;
DEUS FORTE;
PAI DA ETERNIDADE;
PRÍNCIPE DA PAZ.
Do incremento deste PRINCIPADO e da PAZ, não haverá fim, sobre o TRONO de DAVI e nos seu Reino, para o firmar e fortificar em juízo e em justiça, desde agora e para sempre; o zelo do SENHOR dos EXÉRCITOS fará isto"
(Is. 9:6,7). Não mais a TORÁ, mas um NOVO CONCERTO, um NOVO PACTO.

 

Como você pode ver, com este texto, ELE precisou vir e sobrepor ao TRONO de DAVI. Vir para mudar, transformar, e agora, segundo Paulo, não com as transformações através de armas ou guerras, mas com a transformação do ENTENDIMENTO (Rm. 12:1-2).

 

ELE veio e quando chegou vestido de homem, afinal o VERBO se fez CARNE (Jo. 1), cumpriu todos os quesitos da LEI, tanto religiosa como a LEI NATURAL. Nasceu de mulher, teve sua infância e se calou por 30 anos, mas houve dois episódios muito interessantes, uma quando tinha doze anos e outro logo no inicio de seu MINISTÉRIO de três anos.

 

Em Lucas se registra a ida de seus pais a Jerusalém para adoração anual e quando seus pais voltam para sua cidade deram falta do MENINO EMANUEL e voltando o encontra junto aos doutores do templo. Ele, segundo Lucas, era um MENINO que se fortalecia em espírito, cheio de sabedoria e graça – Deus estava com ele (Lc. 2:39-52). Foi neste encontro, no templo, junto aos doutores que sua mãe aflita indaga seu FILHO e obtém uma resposta fora dos padrões do VELHO TESTAMENTO: "... FILHO, por que fizeste assim para conosco? Eis que teu pai e eu, ansiosos, te procurávamos. E ELE lhes disse: por que é que me procuráveis? Não sabeis que me convém tratar dos NEGÓCIOS de meu PAI?" (Lucas 2: 48-49). Já o outro evento foi nas BODAS de CANAÃ. ELE também responde a sua mãe quando esta intercede ao FILHO sobre a falta de vinho e Ele responde também fora dos padrões do VELHO TESTAMENTO dizendo; "Mulher, que tenho eu contigo? Ainda não chegou há minha hora". (João 2:4)

 

O MESTRE está nos ensinado que temos outra filiação e que a NATURAL é bem diferente da ESPIRITUAL. Lembra que fomos feitos a IMAGEM e SEMELHANÇA de Deus? Pois bem, onde estão estas duas características em nós? Será que já ouvimos alguma coisa dizendo que "Todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus?" (Rm. 3:23). Será que estamos esquecidos da palavra do MESTRE dita a NICODEMOS: "Necessário vos é NASCER de NOVO?"

 

O NÚCLEO FAMILIAR está sendo bombardeado há muito tempo. Você já parou para pensar que são as FAMÍLIAS, compostas por HÉTEROS, que produzem os HOMOSSEXUAIS? Que é de dentro da FAMÍLIA que surgem os drogados, ladrões, estupradores, assassinos, maus políticos, desajustados, os esquizofrênicos, prostitutas, garotos e garotas de programa, esta imprensa marrom e etc.? Você sabe e sabe muito bem, afinal os meios de comunicação propagam, constantemente, as barbáries cometidas em FAMÍLIA.

 

Nossos presídios, reformatórios, hospitais, manicômios e etc., estão cheios de filhos e pais problemáticos e nosso governo ou todos os demais governos do mundo não dão conta, não sabem o que fazer com estes FILHOS NASCIDOS DE SUAS FAMÍLIAS que criaram e criam um governo paralelo de bandidos e que desafia a sociedade que se tranca em casa como se fosse ela, os presos.

 

Existem pais entregando seus filhos para a política. Existem pais pedindo a morte de seus filhos, assim como existem filhos pedindo a morte de seus pais.

 

Você sabe hoje o que significa JESUS – SALVADOR. Ele veio salvar você, mas de olho em sua FAMÍLIA: "Crê no SENHO JESUS, que será salvo tu (você) e a tua CASA" (família). Ele está dizendo neste texto de Mateus 10:17 que a RELIGIÃO não tem nenhum compromisso com a FAMÍLIA, ela esta preocupada com o NÚMERO de PESSOAS no TEMLO, o compromisso da RELIGIÃO é com suas ideologias que são algemas para lhe prender e de você tirar seu dinheiro para honra e glória de sua RELIGIÃO. Não passam de JUDAÍSMO-CRISTÃO. Fazem seus ritos, dançam, cantam salmodiam, mas nenhum compromisso profundo com aquele que veio BUSCAR e SALVAR o que se perdeu.

 

Quando falo da necessidade da verdade ensinada nas nossas ESCOLAS BÍBLICAS DOMINICAIS estou enfatizando que ainda se mata muito em nome de Deus, mas com fins RELIGIOSOS e não é sem razão que o MESTRE nos adverte que ao levantarmos a BANDEIRA da VERDADE, estes RELIGIOSOS nos entregarão aos SINÉDRIOS e nos acoitarão nas SINAGOGAS. Irmãos entregarão o próprio irmão. Isto também acontecerá e acontece com os pais. Se você resolve falar ou buscar a VERDADE sua própria FAMÍLIA não lhe apoiará. Estão cegos por suas RELIGIÕES.

 

Pode ter certeza que, havendo divisão de bens, toda FAMÍLIA NATURAL declara guerra. É a minoria que não age desta maneira. A SÍNDROME LUCIFÉRICA não tem dimensões, e tem a FAMÍLIA NATURAL como seu ALVO principal, afinal Ele veio lhe salvar para exatamente atingir toda a sua CASA.

 

VAMOS ENTENDER DE FAMÍLIA ESPIRITUAL?
ENTÃO SAIBA QUE, FORA DE SEU LAR, ONDE A DIVISA É PEQUENA, EXISTE TODO TIPO DE ESPIÕES DO INFERNO NA TENTATIVA DE ADOTAR SEU FILHO (a) E, SAIBA QUE, APESAR DE TODA SUA FORMAÇÃO E AJUDA RELIGIOSA, NOSSOS FILHOS ACABAM ADOTANDO O QUE ESTÁ ALÉM DE SUAS DIVISAS. PORTANTO, SIGA O EXEMPLO DO MESTRE QUE CRESCIA EM:
GRAÇA;
ESTATURA e
CONHECIMENTO. ESTA É A BASE QUE SEU FILHO(a) PRECISA PARA SAIR E VOLTAR SEM INTERVENÇÃO HUMANA NENHUMA – BUSQUE TODAS AS INFORMAÇÕES NO EVANGELHO. BUSQUE QUEM CONHECE A VERDADE, POIS SOMENTE ESTA NOS GUARDA E NOS LIBERTA.

 

 

Israel Sarlo

www.facebook.com/caminhoeavida

 

 

 

 

11. nov, 2014

(Mateus 16:18)

NÃO EXISTEM MEMBROS NOTÁVEIS NO CORPO DE CRISTO COMO NA ACADEMIA DE LETRAS.

 

Somos todos iguais (1a Co 12:14-25), pois, por mais que façamos no corpo, nunca chegaremos a Cabeça, podemos sim, sermos transformados até chegarmos a "medida de varão perfeito", chegar mesmo a termos a natureza da Cabeça, nunca, porém chegaremos a sermos a direção.

 

Como membros, ainda temos um inimigo a ser vencido – a morte (1a Co 15:26 cf. Ap 20:14) e por isto somos membros ainda inferiorizados, negligentes e isto é tão sério que muitos pastores e auxiliares são ainda escolhidos por aparência, como foi Saul, rei de Israel (I Sm. 9:1, 2; 16: 5-12). Escolhidos pela posição financeira e social e esquecemos que Deus não escolhe a ninguém pela aparência.

 

Quando falamos que a unidade do corpo tem que existir a individualidade de cada membro é exatamente para que se dê o crescimento do corpo. Infelizmente é comum encontrarmos membros que desejam crescer só, não se importando com o crescimento dos demais membros, coisas do judaísmo, da mulher traidora. Tais membros se enrolam na própria teia que tecem para suas vidas, levando a morte, assim como Jesus fala em João sobre os ramos que não dão mais frutos (Jo 16:2).

 

Se preocuparmos com a qualidade de cada membro e da operação que cada um deve passar para que o ligue depois ao corpo, é claro que o crescimento virá saudável, firme e extraordinariamente belo. A igreja precisa cultivar o amor, pois este é o grande segredo, pois "o amor tudo sofre, tudo crê, tudo espera e tudo suporta!". Seria bom lermos Tiago 5: 19-20 que diz: "Irmãos, se algum dentre vós se tem desviado da verdade, e alguém o converter, saia que aquele que fizer converter do erro do seu caminho um pecador, salvará da morte uma alma, e cobrirá uma multidão de pecados". O crescimento no amor não poderá ser outro se não crescer e crescer muito (1a Co 13:4-7 e Cl 3:8-14).

 

A ADVERSIDADE DOS MEMBROS PRODUZ A UNIDADE E CRESCIMENTO DO CORPO (Rm 12:3-8).

É importantíssima a unidade do corpo quando os membros conhecem a liberdade de cada membro compromissado com o todo. Todos nós somos iguais na igreja, não há ninguém superior, mas sim organicamente, exemplo: a mão está em lugar mais alto do que o pé, uma questão de posição, mas isto não quer dizer que a mão é superior em utilidade mais do que o pé. Não podemos ter conceitos elevados de nós mesmos, quanto ao fato de podermos desempenhar funções que nos coloquem em destaque. A igreja possui uma estrutura que diferencia os irmãos quanto as suas funções, porém isto não quer dizer que alguém seja melhor do que outro, pois todos nós somos alvo do amor de Deus.

 

Em 1a Coríntios 12: 28 uns Deus pôs como apóstolos, outros como profetas, mestres, operadores de milagres, dons de curar, socorros, etc. Apesar de existirem funções que pudessem ocupar uma escala de classificação é interessante que somos apenas peças neste trabalho e ele não é nosso, somos apenas administradores do grande Rei que nos deu seu Filho e é a Ele que devemos obediência e toda honra e glória.

 

É bom lembrar também que limpar templos e os seus utensílios não é ministério de nenhum membro do corpo de Cristo. Ser porteiro ou diluir-se em simpatia com os visitantes, ser músico ou cantor não significa ter o passaporte para se filiar ao corpo de Cristo. Quando você faz todas estas coisas, você esta usando o seu dote artístico e sua voluntariedade como uma variante de seu amor para com a sua comunidade e ao seu próximo. E é sabido que todas estas coisas os ímpios, os espíritas e os demais religiosos fazem com maestria. Portanto, não vamos confundir o ministério no corpo de Cristo com o zelo para com o templo onde a igreja se reúne. É comum ver muito cuidado com os templos e muito relapso com a igreja.

 

CONCLUSÃO:
A igreja é um organismo vivo e o Senhor atribuiu ministérios aos membros da igreja capacitando-os com dons espirituais. O Novo Testamento nos apresenta uma lista de dons espirituais que podem ser usados isoladamente ou combinados para suprirem todas as necessidades da igreja:

1. Apóstolos – Orientam pastores e igrejas.
2. Profetas – Falam da parte de Deus.
3. Pastores – Cuidam das pessoas.
4. Evangelistas – Proclamam Jesus como Salvador.
5. Serviços – Auxiliam nos trabalhos gerais.
6. Discernimentos de espíritos – Vêem quem está por trás de determinada obra ou pessoa.
7. Sabedoria/Conhecimento – Sabem mais para ensinar melhor.
8. Milagres – Atestam a presença e pode de Deus.
9. Curas – Operam a libertação dos oprimidos.
10. Línguas – Proclamam o Evangelho sem impedimentos linguísticos.
11. Interpretação – trazem a mensagem sem impedimentos linguísticos.
12. Exortação – Aconselham o povo.
13. Liderança – Organizam os grupos.
14. Repartir – Sustentam a obra com seus bens.
15. Socorro/Misericórdia _ Auxilia os mais necessitados.
16. Fé _ Usa mais o poder de Deus.
17. Missionário_ Levam o Evangelho além das fronteiras.
18. Celibato – Para servir melhor a Deus.

 

 

Leia a lição anterior: CLIQUE AQUI

 

FIM

Israel Sarlo

www.facebook.com/caminhoeavida