13. dez, 2014

A ESCOLA DO MESTRE - AULA 63

SIMPLICIDADE E ASTÚCIA

 

“... Sede, portanto, PRUDENTES como as SERPENTES e SIMPLES como as POMBAS”
(Mateus 10:16b).

 

Tenho tido muitas informações verdadeiras sobre vários massacres contra missionários chamados de cristãos.

 

Tenho também ciência das informações bíblicas de que muitos sofreriam estes tipos de ataques por causa da PALAVRA de DEUS.

 

Sei que lares iriam dividir;

Pais se levantariam contra filhos;

Filhos se levantariam contra os pais;

Irmãos se levantariam contra irmãos;

Muitos seriam levados aos tribunais;

Muitos seriam sacrificados por amor a PALAVRA de DEUS e etc.

 

Mas também sei do cuidado do MESTRE para com todos estes que estariam, estão e estarão na CEARA do MESTRE, afinal está escrito em João que Deus é o grande AGRICULTOR e nós os trabalhadores (Jo. 15:1), portanto, o “IDE” do MESTRE foi determinado, mas também uma observação fácil deve ser obedecida: A SIMPLICIDADE e a ASTÚCIA.

 

O MESTRE, para quem conhece seu MINISTÉRIO de três anos e meio, sabe da ASTÚCIA dEle, aliás, Paulo o seguiu de maneira fantástica. Ele nunca ousou, embora, FILHO DE DEUS – DEUS, portanto, em ser atrevido, arrogante, impondo a quem quer que seja a DOUTRINA do PAI. Nem mesmo quando questionado no deserto, podendo transformar pedra em pães; ou ter aos seus pés, anjos e etc., não usou destas prerrogativas para impor seu poder contra sua própria autoridade embora sendo também homem.

 

Claro que o CAMPO é o mundo e que os CEIFEIROS são poucos e os poucos que temos do conselho do MESTRE só possuem a SIMPLICIDADE e ir para o CAMPO PARA CEIFAR, precisa mais do que isto. Precisamos também de ASTÚCIA.

 

O TRABALHO MISSIONÁRIO na ÁFRICA sempre foi imenso, muitos morreram por esta SIMPLICIDADE. Tentaram mudar hábitos, quer dizer, lavar pratos e mãos era ponto alto da religião, esquecidos que as sujeiras psicológicas não estão nos pratos, mãos, mas sim nos corações dos homens.

 

Será que estas MISSÕES não estão em curso para suprir vaidades de denominações e de pastores que acreditam que isto tem que ser feito de qualquer maneira? Será que estes missionários não estão levando em sua bagagem apenas a SIMPLICIDADE achando que o MESTRE manda e que por isto terá que se virar com as inconsequências dos SIMPLES? Conheço amigos missionários que foram convertidos nas religiões que foram alvos de sua MISSÃO, ou seja, foram tragados por outros conceitos pagãos quando sua missão era o de mudar quem o mudou.

 

Será que não entenderam o que está escrito em ATOS 15, quando os apóstolos resolveram enviar cartas para todas as IGREJAS de dois em dois e que houvesse esclarecimento do TRATADO DE JERUSALÉM? Que qualquer “IDA” missionária não se faz sozinho, mas tendo por trás alguém segurando cordas enquanto se desce ao inferno? Lançar missionário e esperar que este esteja a disposição de leões, de fanáticos religiosos e quando morre, alguns ainda dizem que foi em FAVOR DO EVANGELHO? Será? Será que não morreram na SIMPLICIDADE e não continuaram vivos por falta de ASTÚCIA?

 

O primeiro mártir da Igreja, Estevão, quando apedrejado, usou em defesa a Palavra de Deus, claro que não queria morrer. Ele não via nisto nenhum resultado para a Igreja Militante, no entanto foi morto e seu sangue veio ao solo, mas a glória foi vista por ele e que ele seja nosso exemplo missionário:

 

USE A BÍBLIA;
FALE COM CONHECIMENTO;
NÃO IMPONHA A FORMA DE LEI NA GRAÇA;
SEJAMOS SIMPÁTICOS E VERDADEIROS;
NUNCA PERGUNTE SE ISTO OU AQUILO É CERTO OU ERRADO;
RESPEITE AS PESSOAS E SUAS CRENÇAS;
QUER CRISTO NAS PESSOAS, TENHA CRISTO EM VOCÊ PRIMEIRO;
USE DE EMPATIA E VOCÊ TRARÁ O MESTRE PARA SEU CAMINHO DE EMAÚS.

 

Não ande somente uma milha, faça todo percurso com as pessoas e quando usarem sua face direita de também sua esquerda, mas lembrando de que isto não é literal, entenda primeiro o que isto significa e então sua missão em qualquer lugar terá sucesso, como tem sido sucesso CRISTO em NÓS.

 

Sejamos simples, não maldosos, SEJAMOS como a POMBA e tenhamos a ASTÚCIA da serpente, que além de rastejar, vigiar, perscrutar, tem um veneno mortal que terá que se transformar em vacina e chamo isto de CIÊNCIA, saber de tudo contra a própria mordida fatal. Se cada MISSIONÁRIO souber como transformar o veneno existente no interior do homem, pode ter certeza, o CAMPO MISSIONÁRIO será dele e para isto terá que entender: “Transformai-vos pela renovação de seu entendimento” (Rm. 12:1ss).

 

 

Israel Sarlo

www.facebook.com/caminhoeavida